Notícias


55 anos da Amatra1 – Homenagem de Maria Wilma Gontijo

AMATRA, AMADA!

Cinquenta e cinco anos vamos festejar de união

E a felicidade continua em meu coração

Vai crescendo sempre e mais o meu amor por ti

E eu também fiquei mais velha e quase não senti!

Acrescentei 30 anos à linda valsa imortalizada na voz de Carlos Galhardo, que gravou “Bodas de Prata” na década de 60, para exaltar meu amor à AMATRA I.  A mesma década em cujo início se consolidava o trabalho do pequeno, valoroso e saudoso grupo de juízes que há muito  se mobilizava para defender a magistratura do trabalho. Grupo de cuja união – da união de cujos ideais – nasceu, em 21 de maio de 1963, a Associação dos Magistrados da Justiça do Trabalho da 1ª Região.

Do primeiro Presidente Lyad Sebastião de Almeida ao atual Presidente Ronaldo Callado, a AMATRA I tem perseguido sobranceiramente o objetivo que norteou sua criação: lutar pela valorização dos magistrados do trabalho. E o está conseguindo, sobretudo  pelo sustentáculo dos associados que jamais a abandonaram, que a ela permanecem fiéis:  nós, mais antigos, com os “cabelos que a neve do tempo marcou!” E os mais jovens, mais novos no seu quadro de associados, com a força da sua juventude, do seu entusiasmo!  Pelo sustentáculo de todos nós, velhos e jovens, aposentados e ativos, unidos pelo amor à Associação que é nossa, que representa e defende os juízes do trabalho da nossa região há 55 anos!

AMADA AMATRA!

Por Maria Wilma Gontijo

Juíza do Trabalho Aposentada



Mais Notícias



VOLTAR